Notícias

UE perde peso nas exportações de carne de suíno para a China

 

As importações de carne de porco com orgem em Países da União Europeia por parte da China têm estado em franca diminuição, fruto do aumento do efetivo neste país. O valor registado em 2023 foi de 2,64 milhões de toneladas, notoriamente abaixo dos 4 a 5 milhões de toneladas registados em 2020 e 2021.

O principal fornecedor em 2023 continuou a ser a União Europeia, com 49,4% do total de importações da China, mas sofrendo uma diminuição face a 2022 (55,7%). Esta descida deve-se ao aumento das exportação dos Estados Unidos (+8,7%) e do Canadá (+44,2%).

Dentro da União Europeia, as principais diminuições nas exportações de carne de porco para a China verificaram-se em Espanha, Dinamarca e Países Baixos.


Fonte: agrodigital.com Consultar fonte
Data de publicação: 08/02/2024 17:38